Futura P elabora apresentação sobre briefing

Futura-P-topoCom o objetivo de explicar o que é brifar e a importância do briefing para o planejamento publicitário, a agência Futura P desenvolveu uma apresentação voltada para atendimentos e clientes. O guia foi desenvolvido pela diretora da Futura P, Neire Castilho, e pelo redator Gustavo Pires, em uma linguagem didática e com exemplos que facilitam a compreensão do assunto.

A diretora Neire explica que a apresentação foi desenvolvida para um treinamento que a agência realizou na empresa Alta Brasil, como parte do trabalho de consultoria em marketing e comunicação. “Aproveitamos para estender este trabalho e disponibilizá-lo para os nossos atendimentos e clientes, justamente por causa da necessidade que sentimos deste público entender melhor o que é o briefing”, explica. No caso da empresa Alta Brasil, segundo Neire, o público-alvo foram os gerentes de produto, na maioria veterinários, e que tinham dificuldade em estabelecer uma comunicação eficiente com os departamentos responsáveis na empresa.

Na sua avaliação, a apresentação pode ser aplicada em qualquer empresa que pretenda estabelecer uma técnica, um método de trabalho eficiente entre diretores comerciais, superintendentes, gerentes de produto e seu departamento de marketing e comunicação.

O redator Gustavo Pires explica que para esta apresentação a agência recorreu a um compilado de várias fontes. De acordo com ele, o modelo de briefing apresentado no guia é copiado por vários profissionais e utilizado em muitas agências como referência para um pedido inicial de trabalho de criação. “Na apresentação buscamos esclarecer o que é briefing, para que ele serve para a agência, além de dar instruções de como preenchê-lo”, destaca Pires.

Entre os exemplos do guia, destaque para “O Brief Criativo da Capela Sistina”, o case de Damian O’Malley que virou referência para a publicidade. “Este case resume o briefing e por isso o escolhemos para finalizar nossa apresentação”, comenta o redator Gustavo Pires, que também selecionou para o trabalho algumas dicas de como encontrar a estratégia criativa.

A diretora Neire lembra que modelos de briefings estão espalhados pela internet, no entanto mais importante que seguir um questionário engessado, interessa é o ato do executivo de contas em construir um verdadeiro orientador para as demais áreas da agência. “No caso dos atendimentos, desenvolvemos este guia justamente para treiná-lo e fazê-lo refletir sobre a problemática do cliente/produto, antes mesmo de começar a redigir o pedido de trabalho”, justifica.

A apresentação desenvolvida pela Futura P pode ser acessada pelo link:
http://www.futurap.com.br/portfolio/consultoria/o-que-e-briefing-afinal/#.UceofzS1H44

Fonte: Futura P

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s